Compartilhe
facebook twitter gplus mail

Os mais belos templos de Kathmandu, no Nepal

27/06/2019

Entre as montanhas do Himalaia, um país se destaca não apenas por estar situado na parte mais alta da cordilheira, mas pela natureza que encanta e, principalmente, pela forte cultura relacionada a raízes religiosas: Nepal! 
Dono de vales verdejantes e florestas que abrigam uma impressionante vida selvagem, o Nepal faz fronteira com Tibete, China e Índia, e preserva o mesmo perfil cultural e religioso dos países vizinhos, principal em sua capital, Kathmandu.

Kathmandu
Aos pés do Monte Everest - a mais alta montanha do mundo e considerada sagrada pelos nepaleses -, Kathmandu não é apenas a capital do país, mas seu centro político, comercial e cultural. A influência religiosa é visível em toda a cidade, tomada por templos de adoração a deuses do hinduísmo e budismo. Selecionamos os que merecem uma visitinha obrigatória!

Templo Kumari
O Templo Kumari foi erguido em homenagem às deusas virgens. Está situado próximo ao Palácio de Dhoka, e sua construção encanta pelos seus balcões trabalhados em madeira talhada e por suas vistosas janelas.

Templo Pashupatinath
Um dos templos de adoração ao Deus Shiva e local sagrado para os seguidores do hinduísmo.  O Templo Pashupatinath, na verdade, é um complexo que abriga uma vasta coleção de templos, imagens e inscrições que foram construídos ao longo dos anos. Declarado Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco, fica a apenas 5 quilômetros da cidade de Kathmandu. Algumas partes do complexo permitem apenas a entrada de hinduístas, principalmente nos horários de adoração.

Templo Nyatapola
Construído pelo Rei Bhupatindra Malla, em 1702, o Templo Nyatapola é considerado um dos mais belos da cidade. Com cinco andares, cada um com um terraço que exibe estátuas de animais sagrados e deuses, é um local de adoração à deusa Siddhi Laxmi.

Templo Kasthamandap
A história do Templo Kasthamandap é incerta, no entanto, diz a lenda que ele foi construído com a madeira de uma única árvore. No local há imagens de Ganesha e histórias épicas do hinduísmo ilustram as paredes. O templo é dedicado a Gorakhnath. 

Templo Swayambhunath
Um complexo religioso situado no topo de uma montanha no Vale de Kathmandu, conhecido também como o Templo do Macaco por conta de muitas espécies viverem em sua parte noroeste. É um dos templos budistas mais sagrados, ficando atrás apenas do Boudhanath.

Templo Maju Deval
O Templo Maju Deval é dedicado ao deus hindu da “destruição e regeneração” Shiva. De suas escadarias se tem uma vista privilegiada da Durbar Square, praça declarada Patrimônio Mundial da Humanidade pela Unesco e um dos principais pontos do centro de Kathmandu. O último andar é imperdível por conta das diversas esculturas eróticas.

Templo Shiva-Parvati
Abriga a mais fotografada imagem de Shiva e sua esposa, Parvati. Construído em 1.700 por Bahadur Shah, o filho de Prithvi Narayan Shah, o templo conta com duas plataformas que podem ter sido antigos locais de dança há centenas de anos atrás.

0 Comentário

Onde ficar em Kathmandu