Compartilhe
facebook twitter gplus mail

América do Sul: onde esquiar nesta temporada

12/04/2019

O outono começou agora, mas já dá para programar as férias nas estações de esqui mais charmosas do hemisfério sul. Chile e Argentina reservam o melhor da diversão na neve no continente, com opções para viver as emoções de inverno que não ficam atrás da Europa ou dos Estados Unidos. Selecionamos sete estações que estarão em alta nessa temporada e que são ideais para famílias, com pistas de diversos graus de dificuldades e ótima hotelaria.

 

Chile

A pioneira Portillo
Portillo é um dos destinos preferidos dos esquiadores e famílias no hemisfério sul. A estação localizada a pouco mais de duas horas de carro da capital Santiago, é a mais antiga da América do Sul e fica ao redor da bela Laguna del Inca, um cenário especial. Famosa pela ótima qualidade da neve e também pela excelente escola de esqui e snowboard, Portillo recebe esportistas e visitantes do mundo todo, atraídos pela sensação de refúgio e possibilidades de aventura. Aos iniciantes, a estação proporciona três pistas, El Corralito, El Puma e La Princesa, ideais para aprender e praticar o esporte com segurança e tranquilidade. Já àqueles que dominam melhor o esporte, pistas como Las Lomas e David´s Run, entre muitas outras, trazem mais adrenalina. Para os esquiadores experientes e que gostam de desafios, os destaques são as duas pistas consideradas as mais difíceis da estação, a El Condor e a La Roca Jack. Dentre as novidades para 2019, Portillo ganhou uma máquina de fabricar neve para garantir a diversão mesmo se a neve ficar dias sem dar as caras.


Adrenalina e aventura em Valle Nevado
Considerada a maior área esquiável do hemisfério sul, com mais de 20 quilômetros de pistas, a estação de Valle Nevado está localizada a 3 mil metros de altitude nos Andes chilenos e os muitos picos nevados das cordilheiras formam um dos cenários mais encantadores do país. As pistas apresentam diferentes características e graus de dificuldade – um verdadeiro centro de esqui planejado para a prática de esportes de inverno como snowboard e heliski, – e são consideradas perfeitas tanto aos esquiadores principiantes como aos experts. Valle Nevado é daqueles destinos que agradam famílias e casais em lua de mel, oferecendo aulas particulares ou coletivas de esqui que ajudam os visitantes a descobrirem as melhores partes das montanhas geladas. 

Corralco surpreendente
Corralco desponta como uma ótima opção na América do Sul. Localizada na encosta do Vulcão Lonquimay, a estação de esqui foi construída dentro de uma reserva protegida e garante excelentes temporadas para a prática de esportes de inverno. Na região, estâncias termais e uma exuberante floresta de araucárias se juntam a ótimas pistas para a prática de snowboard e esqui, criando uma atmosfera perfeita para os esportes de inverno no Chile. Além dos esportes já mencionados, também é possível praticar outras modalidades nos picos nevados de Corralco, como o snowshoeing e trilhas por belos bosques, que podem ser complementadas por excursões de snowmobile e visitas às termas.

 

Chillán, a estação ao lado de um vulcão
Localizada nas encostas de um vulcão e dona de pistas emolduradas por bosques intocados, as Termas de Chillán são uma estação de esqui dentro de um centro termal. Ao sul de Santiago, Chillán é famosa por seu spa especializado em tratamentos com águas sulforosas do vulcão e por apresentar a maior pista da América do Sul, a Três Marias com 13 quilômetros de percurso. Além disso, ainda conta com atividades como heliskiing, circuitos de moto na neve, trenós puxados por cães, e várias alternativas que proporcionam descanso e relaxamento.

Argentina

Ushuaia: Neve na Terra do Fogo
Capital da Terra de Fogo e considerada a cidade habitada mais austral do mundo, Ushuaia reúne o melhor da tradição e modernidade. Refletindo em seu traçado urbano e em seus desenhos arquitetônicos uma forte ligação com seu passado, ainda conta com paisagens deslumbrantes que roubam a cena com mar, bosques, geleiras e montanhas, oferecendo diversas opções de atividades. O esqui é um dos seus principais atrativos, já que conta com uma das estações de esqui mais exclusivas e modernas da Argentina. Cerro Castor, a montanha que concentra as emoções a pouco mais de 20 quilômetros da cidade, tem infraestrutura perfeita com pistas para todos os níveis de esquiadores, incluindo escolas para crianças a partir de quatro anos de idade.

 

A tradição de Bariloche
Bariloche é um dos principais destinos quando o assunto é esqui na América do Sul. Em Cerro Catedral, a prática do esporte é a principal atração durante o inverno, mas, aos não-praticantes, há restaurantes e os excelentes serviços dos hotéis, que proporcionam exclusividade e conforto. Sempre lembrada pelo clima descontraído e hospitaleiro, a cidade ainda reserva vistas incríveis a cada descida pela neve. Recomendada para toda a família, com pistas de vários níveis de dificuldade, a estação apresenta novidades todos os anos e, nesta temporada, estão os novos canhões de neve para garantir o cenário perfeito para as atividades que todo mundo adora, como as descidas em snow BMX – uma bike sobre pranchas – snow tubing, snowshoeing, snowmobile e trenós.
 

A exclusiva Villa La Angostura
Uma opção à badalada Bariloche, Villa La Angostura tem atmosfera cool e exclusiva às margens do lago Nahuel Huapi. A proximidade de alguns parques naturais, como o Parque Nacional Los Arrayanes, é uma atração. O esqui é destaque na estação de Cerro Bayo. São 25 pistas, 16 meios de elevação, escola infantil de esqui e várias opções de atividades para toda a família. 

0 Comentário